Wiki DC Comics Extended Universe
Advertisement
Wiki DC Comics Extended Universe
Zod de capa.png
"A fundação deve ser construída sob alguma coisa."

Este artigo é um esboço.
Você pode ajudar a Wiki DC Comics Extended Universe expandindo-o.
Para ver o corte teatral do filme, veja Justice League.
__Banner de 'ZSJL'.jpg_ Filme | Trilha-Sonora | Personagens | Elenco


"Não importa os demônios nem os infernos que ele enfrentou, ele nunca lutou com a gente. Não juntos."
―Bruce Wayne[fonte]

Zack Snyder's Justice League, em português Liga da Justiça de Zack Snyder, e originalmente conhecido não-oficialmente como Snyder Cut, é o corte do diretor Zack Snyder para Justice League que foi finalizado e lançado no serviço de streaming HBO Max em 18 de março de 2021.[1] Inicialmente foi cogitada a possibilidade de lançar o filme como uma série dividida em quatro partes, com uma hora em cada episódio, mas enfim foi decidido o lançamento sendo um longo filme de quatro horas.[4] O filme foi então dividido tematicamente em seis capítulos, chamados de "Não Conte Com Isso, Batman", "A Era de Heróis", "Amada Mãe, Amado Filho", "Máquina de Transformação", "Todos os Cavalos do Rei", e "Algo Mais Sombrio". Um epílogo também segue essa estruturação, intitulado "Um Pai Duas Vezes".

Uma versão em preto e branco do filme, intitulada Justice League: Justice is Gray Edition, está para ser lançada. De acordo com Snyder, ele lançou essa versão por acreditar que é a forma mais pura de se ver o filme, já que ele conviveu com o filme assim por mais de 3 anos.[5]

No Brasil, o filme foi lançado primeiramente em lojas virtuais, dublado e legendado, e mais tarde estará disponível na HBO Max quando o serviço chegar ao país.

Por anos houveram especulações de uma versão do diretor para Justice League, com muitos apontando que o corte teatral não condizia com a visão de Snyder e o que foi mostrado nos primeiros trailers do filme. Um movimento conhecido como #ReleaseTheSnyderCut moveu a internet por meses em busca do lançamento do corte original do diretor. Snyder diversas vezes havia confirmado a existência do corte, até que em maio de 2020 foi confirmado para lançar no serviço de streaming HBO Max.[1]

Sinopse

Determinado a garantir que o sacrifício final do Superman não fosse em vão, Bruce Wayne alinha forças com Diana Prince com planos de recrutar uma equipe de meta-humanos para proteger o mundo de um ameaça se aproximando de proporções catastróficas. A tarefa se mostra mais difícil do que Bruce imaginava, pois cada um dos recrutas deve enfrentar os demônios de seu próprio passado para transcender o que os impediu, permitindo que se unissem, finalmente formando uma liga de heróis sem precedentes. Agora unidos, Batman, Mulher Maravilha, Aquaman, Ciborgue e Flash podem ser tarde demais para salvar o planeta de Lobo da Estepe, DeSaad e Darkseid de suas intenções terríveis.

Elenco

  • Ben Affleck como Bruce Wayne/Batman
  • Henry Cavill como Kal-El/Clark Kent/Superman
  • Amy Adams como Lois Lane
  • Gal Gadot como Diana/Diana Prince/Mulher-Maravilha
  • Ray Fisher como Victor Stone/Ciborgue
  • Jason Momoa como Arthur Curry/Aquaman
  • Ezra Miller como Barry Allen/Flash
  • Willem Dafoe como Nuidis Vulko
  • Jesse Eisenberg como Lex Luthor
  • Jeremy Irons como Alfred Pennyworth
  • Diane Lane como Martha Kent
  • Connie Nielsen como Rainha Hipólita
  • J.K. Simmons como Comissário James Gordon
  • Ciarán Hinds como Lobo da Estepe (voz)
  • Ryan Zheng como Dr. Ryan Choi
  • Amber Heard como Mera
  • Joe Morton como Dr. Silas Stone
  • Lisa Loven Kongsli como Menalippe
  • David Thewlis como Ares
  • Ann Ogbomo como Philippus
  • Ágústa Eva Erlendsdóttir como uma mulher islandesa
  • Björt Sigfinnsdóttir como uma mulher islandesa
  • Salóme Gunnarsdóttir como uma mulher islandesa
  • Kristbjörg Kjeld como uma mulher islandesa
  • Ingvar Sigurdsson como o prefeito islandes
  • Védís Vífilsdóttir como uma garota islandesa
  • Snæfríður Rán Aðalsteins como uma garota islandesa
  • Marc McClure como Oficial Jerry
  • Michael McElhatton como Black Clad Alpha
  • John Dagleish como Black Clad Beta
  • Charlotte Comer como acompanhante da escola
  • Lara Decaro como garota colegial
  • Serene Angus como garota colegial
  • Anna Burgess como garota colegial
  • Mia Burgess como garota colegial
  • Alison Chang como garota colegial
  • Constance Bole como garota colegial
  • Shahla Ayamah como garota colegial
  • Chris Courtenay como juiz de Old Bailey
  • Heather Imbeah como refém de Old Bailey
  • Carla Turner como professora
  • Grace Cookey-Gam como um advogado de Old Bailey
  • Matthew Bates como um refém de Old Bailey
  • Gary Reimer como atirador da força tarefa
  • Robbie Gee como líder da força tarefa
  • Jim Sturgeon como delegado da força tarefa
  • Doutzen Kroes como Venelia
  • Eleanor Matsuura como Epione
  • Samantha Jo como Euboea
  • Brooke Ence como Penthesilea
  • Anthony Wise como Howard o Zelador
  • Jerome Pradon como conservador do Louvre
  • Richard Clifford como arqueólogo francês
  • Rebecca C. Perfect como reporter
  • Vincent Riotta como detetive chefe da CID
  • Edward Mitchell como oficial da CID
  • Mark Arnold como Thomas
  • Martin Troakes como dono da taverna
  • Peter Guinness como DeSaad (voz)
  • Sergi Constance como Zeus
  • Aurore Lauzeral como Artemis
  • Julian Lewis Jones como Rei Atlan
  • Ray Porter como Darkseid (voz)
  • Francis Magee como o antigo rei dos homens
  • Hari James como Trigona
  • Kiersey Clemons como Iris West
  • Lucy Briers como dona do canil
  • David Mara como motorista do caminhão
  • Wil Coban como o soldado Atlante torturado
  • Stewart Alexander como um colegial
  • Karen Bryson como Dra. Elinore Stone
  • Christy Meyer como doutor na sala de emergência
  • Amanda Maud como Linda Reed
  • Granville Saxton como sem-teto
  • Gianpiero Cognoli como guarda da prisão de Central City
  • Kobna Holdbrook-Smith como o Detetive Crispus Allen
  • Kevin Mathurin como testemunha
  • Joyce Veheary como policial de Gotham
  • Taylor James como mensageiro militar Atlante
  • Hadrian Howard como General Atlante
  • Victor Gardener como General Atlante
  • Bruce Chong como General Atlante
  • Orion Lee como cientista dos Laboratórios S.T.A.R.
  • Oliver Gatz como cientista dos Laboratórios S.T.A.R.
  • Rachel Blenkiron como cientista dos Laboratórios S.T.A.R.
  • Lynne Anne Rodgers como faxineira dos Laboratórios S.T.A.R.
  • Oliver Powell como faxineiro dos Laboratórios S.T.A.R.
  • Kelly Burke como segurança da Força Aérea
  • Keith Simpson como segurança da Força Aérea
  • Omri Rose como soldado em roupa espacial
  • Harry Lennix como Tenente General Calvin Swanwick/Caçador de Marte
  • Will Austin como um guarda
  • William Atkinson como policial militar
  • Sam Benjamin como policial militar
  • Shalini Peiris como soldado em roupa de proteção biologica
  • Carla Gugino como voz da Nave Batedora 0344
  • Russell Crowe como Jor-El (voz)
  • Adam Forman como motorista de caminhonete
  • Peter Brooke como Oficial do Departamento de Defesa
  • Peter Henderson como prisioneiro careca
  • Bruce Lester Johnson como Nelson
  • Katia Elizarova como uma guarda do Lex Luthor
  • Gem Refoufi como uma guarda do Lex Luthor
  • Leila Reid como uma guarda do Lex Luthor
  • Suan-Li Ong como uma guarda do Lex Luthor
  • Tina Balthazar como uma guarda do Lex Luthor
  • Penny Lane como uma guarda do Lex Luthor
  • Jared Leto como o Coringa
  • Stephanie Haymes-Roven como uma cavaleira Amazona
  • Steve West como um padre das Caixas Maternas
  • Laura Waddell como um padre das Caixas Maternas
  • Robin Wright como General Antíope (não-creditada)
  • Billy Crudup como Henry Allen (não-creditado)
  • Kevin Costner como Jonathan Kent (voz; não-creditado)
  • Joe Manganiello como Slade Wilson/Exterminador (não-creditado)

Elenco de dublagem

Créditos

Créditos Dublagem
Estúdio de Dublagem Delart, Rio de Janeiro
Direção de Dublagem ASA
Tradução ASA
Locutor ASA
Mídia TV paga/streaming

Produção

Roteiro original

"O Justice League original que Chris [Terrio] e eu escrevemos, nem filmamos. Muito disso foi filmado, mas a ideia real, a difícil, difícil, a assustadora, nunca filmamos porque o estúdio ficou tipo 'Isso é loucura'. E nós éramos tão inseguros na época depois que [Batman v Superman] saiu, nós pensamos: 'Eu acho que é loucura. Nós somos loucos. Haverá histeria em massa nas ruas se filmarmos isso'."
―Zack Snyder sobre o seu roteiro original[fonte]

Após o lançamento de Man of Steel em 2013, o diretor Zack Snyder planejou a base do Universo Estendido DC, que centraria em torno de um arco de cinco filmes, incluindo Man of Steel, Batman v Superman: Dawn of Justice (2016), e uma trilogia da Liga da Justiça.[6] A visão original de Snyder era fazer Batman v Superman ser o mais sombrio da franquia, e fazer com que os filmes se tornassem mais esperançosos a partir daí.[7][8] No entanto, Batman v Superman foi mal recebido, com críticas direcionadas ao seu tom sombrio, falta de humor e ritmo lento. Essa reação levou a distribuidora Warner Bros. e Snyder a reavaliar os próximos filmes do DCEU, particularmente Suicide Squad (2016), que já havia encerrado a fotografia principal, e Justice League, que estava a um mês das filmagens. Snyder e o roteirista Chris Terrio reescreveram Justice League para ter um tom mais esperançoso do que o planejado originalmente.[7][9] Snyder descrevia seu roteiro original de Justice League como "sombrio" e "assustador". De acordo com artes conceituais, as cenas envolvendo Apokolipse e os Novos Deuses eram fortemente influenciadas pelo trabalho de H. R. Giger.[7]

Originalmente, Lobo da Estepe e seus Parademônios seriam os vilões de Suicide Squad controlando a Magia com as Caixas Maternas,[10][11] e Darkseid seria o principal antagonista em Justice League. De acordo com Snyder, pelo menos parte do filme foi definido para explorar o "Pesadelo" de Bruce Wayne—a cena em Batman v Superman onde Bruce Wayne tem uma visão de Gotham de um futuro pós-apocalíptico, seguido pelo Flash aparecendo para lhe dizer que Lois Lane é a "chave" e teme que seja "muito cedo". No roteiro inicial de Justice League, a sequência de "Pesadelo" fazia Darkseid usar um tubo de boom para se teletransportar para a Batcaverna e matar Lois Lane. Isso tornaria Superman suscetível à Equação Anti-Vida de Darkseid, a fórmula matemática fictícia dos quadrinhos para controlar a mente de seres sencientes. Com Superman sob o controle de Darkseid, eles assumem o controle da Terra e criam o futuro pós-apocalíptico visto no "Pesadelo" de Wayne. Batman e Ciborgue trabalharam juntos para criar uma máquina do tempo para enviar Flash de volta no tempo para salvar Lois e evitar que Superman caísse sob o controle de Darkseid. O Flash tem dois destinos possíveis no tempo, um dos quais resultou em seu discurso "muito cedo" em Batman v Superman.[7][11][12] Esta versão de Justice League nunca foi filmada.[13]

Filmagens de Justice League

As filmagens de Justice League começaram em abril de 2016[14] e terminaram em dezembro do mesmo ano.[15] Meses depois, vários cortes de Justice League de Snyder foram mostrados aos executivos da Warner Bros., além de amigos e familiares de Snyder. Um tempo final de duração foi alcançado, embora os cortes apresentassem efeitos visuais incompletos e mixagem parcial de áudio. Snyder disse que ele teve vários cortes que foram essencialmente "feitos", precisando apenas de "alguns ajustes de CG" para serem concluídos.[16][15] O contribuinte da Forbes, Mark Hughes, relatou que o corte de Snyder estava mais de 90% completo,[17] enquanto The Daily Telegraph citou um especialista em efeitos visuais ao estimar que a Warner Bros. precisaria de outros $30-40 milhões para finalizar o filme.[18] Os executivos da Warner Bros. que viram o corte de Snyder sentiram que o diretor fez esforços significativos para aliviar o tom após as críticas negativas de Batman v Superman.[19] Apesar disso, a Warner Bros. ainda estava insatisfeita com o resultado e relatórios internos indicaram que o estúdio considerou o corte "inassistível".[20]

Após desaprovar a direção de Snyder, a Warner Bros. contratou Joss Whedon, que dirigiu os filmes do Universo Cinematográfico Marvel, The Avengers (2012) e Avengers: Age of Ultron (2015), para reescrever o roteiro e ajudar com extensas refilmagens.[19] O CEO da Warner Bros, Kevin Tsujihara, determinou que a duração de Justice League não fosse superior a duas horas.[21] A Warner Bros também decidiu não adiar a data de lançamento (o que daria aos cineastas mais tempo para concluir adequadamente Liga da Justiça) para que os executivos pudessem manter seus bônus anuais e em parte devido a preocupações de que a empresa AT&T dissolvesse o estúdio após uma futura fusão.[22] Esperava-se que Snyder filmasse as cenas que Whedon reescreveu, e os dois estavam trabalhando juntos para atender aos pedidos da Warner Bros. quando a filha de Snyder, Autumn Snyder, cometeu suicídio em março de 2017.[19] Snyder continuou a trabalhar em Justice League por dois meses para se distrair, antes de deixar o cargo em maio.[23] Sua esposa Deborah Snyder, que estava produzindo Justice League, também deixou o projeto.[16]

Depois que Snyder saiu, Whedon assumiu controle sobre a produção de Justice League,[23] embora Snyder ainda teve o crédito de diretor pelo filme lançado. Whedon adicionou cerca de 80 novas páginas ao roteiro.[24] O compositor Junkie XL completou sua trilha sonora para o filme antes de ser substituído por Danny Elfman no meio da pós-produção.[25] As cenas que Whedon escreveu ou refilmou para o lançamento no cinema apresentaram um tom mais leve e mais humor, além de reduzir o nível de violência visto na direção mais sombria de Snyder.[19] Para cumprir o tempo de duração determinado pela Warner Bros., mais de 90 minutos das filmagens de Snyder foram removidos, mas o resultado ainda seguia o esboço básico da história. Enquanto o corte inicial tinha sido mal recebido pelo público-teste, a exibição inicial do corte de Whedon tinha tido uma recepção melhor, então a Warner Bros decidiu seguir em frente.[21] Justice League foi lançado nos cinemas em 17 de novembro de 2017.[26]

Críticos descreveram o corte do cinema como um filme "Frankenstein", obviamente o trabalho de dois diretores diferentes com visões concorrentes.[22] Justice League arrecadou $657,9 milhões contra orçamento estimado em $300 milhões.[26] Não atingindo um ponto de equilíbrio contábil de $750 milhões, a Deadline Hollywood relatou que o filme deu um prejuízo em torno de $60 milhões para a Warner Bros..[27] Devido ao fraco desempenho do filme, a Warner Bros. decidiu se afastar da visão de Snyder para um universo compartilhado de filmes interconectados e focar em filmes independentes e franquias solo.[28] Apesar disso, James Wan, diretor de Aquaman (2018), foi relatado ter consultado Snyder e mostrado diversos esboços e cortes iniciais de seu filme, para manter sua visão coerente com a que Snyder planejava para o DCEU.[29]

Campanha #ReleaseTheSnyderCut

Imediatamente após o lançamento do filme de 2017, fãs começaram a questionar o quão grande foram as regravações de Whedon, chegando a conclusão de que o filme foi severamente modificado após a saída de Snyder (como visto simplesmente comparando trailers antes do lançamento com o filme do cinema de 2017, que cortou/modificou diversas cenas). Uma petição online foi feita, chegando a 180,000 assinaturas. O movimento, que usou a hashtag #ReleaseTheSnyderCut (lancem o corte de Snyder, em tradução livre), começou antes mesmo de ter a confirmação de que existia de fato um corte completo do filme que Snyder planejou anteriormente. As circunstâncias eram semelhantes a outro filme da DC, Superman II de 1980. Tanto Justice League quanto Superman II sofreram com a troca de diretores no meio de suas gravações, por diferentes motivos, fazendo com que o novo responsável pelo filme mudasse totalmente o corte original, incluindo seu tom e estruturação do filme. Eventualmente, Donner, o diretor original de Superman II, conseguiu completar seu corte, intitulado Superman II: The Richard Donner Cut, em 2006. Muitos acreditaram que o eventual lançamento de um corte do diretor de Justice League era inevitável, visto que Snyder teve cortes estendidos para quase todos os seus filmes, e que eram vistos como superiores comparados as versões de cinema. No entanto, em 2017, o filme foi lançado para bluray sem nenhum corte do diretor (com apenas duas cenas extras). Isso apenas incitou mais os fãs que buscavam o filme planejado originalmente por Zack Snyder.

Eventualmente o movimento foi ganhando mais força. Diversos membros da equipe do filme apoiavam seu lançamento, incluindo os atores principais Ben Affleck, Gal Gadot, Jason Momoa, Ray Fisher, Ciarán Hinds e Joe Manganiello, o diretor de fotografia Fabian Wagner, o fotógrafo Clay Enos, o artista de rascunhos de história Jay Oliva, e até o dublê de Ben Affleck Richard Cetrone. Outros artistas do meio audiovisual baseado em quadrinhos também apoiaram o Snyder Cut, incluindo Kevin Smith, Steven S. DeKnight e Damon Lindelof, os autores de quadrinhos Rob Liefeld, Robert Kirkman, e Jerry Ordway também apoiaram o movimento. A hashtag #ReleaseTheSnyderCut chegou a ser usada mais de 800,000 vezes no Twitter até novembro de 2019, chegando a ser tendência na época de aniversário do corte teatral do filme.

Lançamento na HBO Max

"Eu gostaria de agradecer a equipe da HBO Max e da Warner Brothers por este bravo gesto de apoiar os artistas e permitir que suas verdadeiras visões se realizem. E também um agradecimento especial a todos os envolvidos no movimento SnyderCut por fazer isso realidade."
―Zack Snyder[[fonte]]

Lançamento

Zack Snyder's Justice League foi lançado em 18 de março de 2021 no serviço de streaming HBO Max. Nos países que ainda não possuíam o serviço, o filme pôde ser alugado em lojas virtuais até a chegada do HBO Max. No Brasil, o serviço chegou apenas em junho do mesmo ano.[30] Em seu lançamento na HBO Max levou a sobrecarga de servidores devido ao alto número de telespectadores.[31] De acordo com o agregador Samba TV, o filme atingiu a audiência de 1.8 milhões no serviço HBO Max americano em seu fim de semana de estréia, perdendo apenas para Wonder Woman 1984 que obteve 2.2 milhões.[32] O filme quebrou recorde de vendas no serviço brasileiro de vendas e alugueis de filmes digitais Claro NOW, ultrapassando os números do recorde anterior, Wonder Woman 1984, em 140%.[33] Na plataforma indiana Book My Show, o filme "fez história" ao ter mais de 100,000 vendas em três dias.[34]

Marketing

Juntamente com o anúncio de Zack Snyder's Justice League, a HBO lançou pôsteres representando os seis membros da Liga da Justiça. Embora esses pôsteres tenham sido usados anteriormente para a campanha de marketing da versão que foi para o cinema, os da HBO apresentavam um filtro em preto e branco e enfatizavam fortemente o nome de Snyder. Chris Agar, do Screen Rant, chamou o filtro de "um forte contraste com os pôsteres coloridos de Justice League que foram predominantes na preparação para o lançamento no cinema, que é definitivamente uma escolha intencional para separar as duas versões do filme".[35]

A HBO Max divulgou um teaser de poucos segundos no dia 18 de junho de 2020 mostrando Darkseid pela primeira vez, junto a uma cena deletada com a Mulher-Maravilha vendo uma pintura do vilão.[36] Durante o evento de fãs Justice Con em 26 de julho, Zack Snyder conversou sobre o filme e o movimento que o levou a ter a chance de concluir sua visão para a Liga da Justiça, e também divulgou uma cena mostrando Superman com seu uniforme negro, feito digitalmente.[37] Também havia sido anunciado que Zack Snyder's Justice League teria um painel durante o evento DC FanDome. Um teaser for publicado no canal HBO Max para a contagem regressiva até o evento.[38] As 18:30 do dia 22 de agosto, Zack Snyder, Ben Affleck, Henry Cavill, Ezra Miller, Ray Fisher, Gal Gadot e Patty Jenkins falaram mais sobre esta versão de Justice League durante o painel do filme na DC FanDome, e Snyder mostrou um trailer com cenas inéditas, incluindo o novo visual de Lobo da Estepe, a aparição de Iris West, a morte de Silas Stone, e mais.[39]

Em janeiro de 2021, foram anunciadas figuras de ação de Zack Snyder's Justice League, incluindo Darkseid e o novo design de Lobo da Estepe.[40] Um novo trailer foi lançado em 14 de fevereiro, e foi usado diversos teasers e pôsters antes de seu lançamento para divulgação. Em um evento de fãs da IGN, Zack Snyder falou mais sobre seu corte em uma entrevista, mostrando um clipe promocional com a música "Time" de Tom Waits, onde a história dos principais membros da Liga eram revisadas como se fossem formados pelas Caixas Maternas presentes no filme.

Música

A trilha-sonora original do filme é composta por Junkie XL, com temas anteriores de Batman v Superman: Dawn of Justice retornando, compostos também por Hans Zimmer. Junkie XL era o compositor original e já havia feito a maior parte da trilha para o filme de 2017, mas foi substituído por Danny Elfman após Joss Whedon assumir a direção.

A primeira música da trilha é "The Crew at Warpower", mostrada por Junkie XL pela primeira vez em fevereiro de 2021.

As músicas promocionais do filme incluem:

Música Artista Localizada
"Hallelujah" Leonard Cohen
  • Trailer teaser
"Time" Tom Waits Trailer "The Mother Box Origins"

Galeria

Imagens promocionais

Trailers e vídeos

Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 Matt Donnelly. Zack Snyder Will Release the ‘Snyder Cut’ of ‘Justice League’ on HBO Max. Página visitada em 20/05/2020.
  2. STEPHEN M. COLBERT. (EXCLUSIVO) Música de Justice League Snyder Cut está pronta, confirma Junkie XL. Screenrant. Página visitada em 21/05/2020.
  3. 3,0 3,1 Justice League: Junkie XL, Hans Zimmer Confirmed for Snyder Cut (em Inglês). Comic Book Resource. Página visitada em 09/07/2020.
  4. DC FanDome (22 de agosto de 2020). Painel de Zack Snyder's Justice League.
  5. Zack Snyder no Vero. Vero. Página visitada em 13 de março de 2021.
  6. What Was Zack Snyder's Original 5 Movie DCEU Plan? (em Inglês). Screen Rant (25 de abril de 2018). Página visitada em 17 de junho de 2019.
  7. 7,0 7,1 7,2 7,3 Colbert, Stephen M. (26 de março de 2019). There Are THREE Versions Of Justice League (Including The Snyder Cut): We Explain» (em Inglês). Screen Rant. Página visitada em 17 de junho de 2019.
  8. Schmidt, JK (2 de janeiro de 2018). New 'Justice League' Concept Art Provides a Glimpse at Zack Snyder's Vision (em Inglês). Comicbook.com. Página visitada em 17 de junho de 2019.
  9. Outlaw, Kofi (2 de outubro de 2017). Zack Snyder Always Intended Justice League To Rise Out Of The Darkness (em Inglês). Comicbook.com. Página visitada em 16 de julho de 2019.
  10. Mancuso, Vinnie (25 de novembro de 2018). 'Suicide Squad' Originally Included Steppenwolf, Says David Ayer (em Inglês). Collider. Página visitada em 17 de junho de 2019.
  11. 11,0 11,1 Nolan, L.D. (25 de novembro 2018). Steppenwolf Was Originally a Huge Part of Suicide Squad" (em Inglês). Comic Book Resources Valnet Inc. Página visitada em 17 de junho de 2019.
  12. Cardona, Ian (26 de março de 2019). Darkseid Was Going to Kill Lois Lane in Zack Snyder's Justice League (em Inglês). Comic Book Resources. Valnet Inc. Página visitada em 17 de junho de 2019.
  13. Hood, Cooper (25 de março de 2019). Zack Snyder Confirms Original Justice League Script Was Not Shot (em Inglês). Screen Rant.
  14. Breznican, Anthony (21 de fevereiro de 2016). 'Justice League' begins shooting April 11 (em inglês). Entertainment Weekly. Página visitada em 11 de outubro de 2020.
  15. 15,0 15,1 Dumaraog, Ana (12 de junho de 2019). Justice League Artist Breaks Down How Complete the Snyder Cut Is (em inglês). Screenrant. Página visitada em 11 de outubro de 2020.
  16. 16,0 16,1 Borys Kit (22 de maio de 2017). Zack Snyder Steps Down From 'Justice League' to Deal With Family Tragedy (em inglês). Hollywood Reporter. Página visitada em 12 de outubro de 2020.
  17. M. Colbert, Stephen (5 de agosto de 2019). Justice League: The Snyder Cut Could Cost $30-40 Million to Complete (em inglês). Screenrant. Página visitada em 11 de outubro de 2020.
  18. O'Hara, Helen (5 de agosto de 2019). Justice League stars Ben Affleck and Gal Gadot want to #ReleaseTheSnyderCut: but what is it, exactly? (em inglês). Telegraph Media Group. Página visitada em 11 de outubro de 2020.
  19. 19,0 19,1 19,2 19,3 Fritz, Ben (19 de julho de 2018). Holy Director’s Cut, Batman! ‘Justice League’ Fans Demand a New Version of a Superhero Flop (em inglês). The Wall Street Journal. Página visitada em 11 de outubro de 2020.
  20. Goldberg, Matt (12 de fevereiro de 2018). Zack Snyder Was Reportedly Fired from ‘Justice League’ (em inglês). Collider. Página visitada em 11 de outubro de 2020.
  21. 21,0 21,1 Fritz, Ben (6 de novembro de 2017). The Quest to Save ‘Justice League’ (em inglês). The Wall Street Journal. Página visitada em 11 de outubro de 2020.
  22. 22,0 22,1 Gonzalez, Umberto (29 de novembro de 2017). How ‘Justice League’ Became a ‘Frankenstein’ (Exclusive) (em inglês). The Wrap. Página visitada em 11 de outubro de 2020.
  23. 23,0 23,1 Olsen, Mark (27 de maio de 2017). Zack Snyder to leave 'Justice League' following family tragedy; Joss Whedon to take over film (em inglês). Los Angeles Times. Página visitada em 12 de outubro de 2020.
  24. Buchanan, Kyle (19 de novembro de 2019). Why Ben Affleck and Gal Gadot Are Tweeting #ReleaseTheSnyderCut (em inglês). The New York Times. Página visitada em 12 de outubro de 2020.
  25. Chichizola, Corey (15 de junho de 2017). Original Justice League Composer Responds To Being Replaced (em inglês). Cinema Blend. Página visitada em 12 de outubro de 2020.
  26. 26,0 26,1 'Justice League'. Box Office Mojo. Página visitada em 12 de outubro de 2020.
  27. How Warner Bros. Sold ‘Ready Player One’ On The Spielberg Spirit & Beat Tracking With $53M+ 4-Day – Sunday Postmortem (em inglês). Deadline (31 de março de 2018). Página visitada em 12 de outubro de 2020.
  28. Donelly, Matt (20 de maio de 2020). Zack Snyder Will Release the ‘Snyder Cut’ of ‘Justice League’ on HBO Max (em inglês). Variety. Página visitada em 12 de outubro de 2020.
  29. Martins, Rafael. AQUAMAN – ZACK SNYDER AJUDOU JAMES WAN A DESFAZER MUDANÇAS FEITAS EM “LIGA DA JUSTIÇA”! (em português). Página visitada em 12 de outubro de 2020.
  30. Zack Snyder confirma lançamento mundial do Snyder Cut para março. Omelete (12 de fevereiro de 2021). Página visitada em 27 de fevereiro de 2021.
  31. Liga da Justiça: lançamento do Snyder Cut causa instabilidade no HBO Max. TecMundo (18 de março de 2021). Página visitada em 24 de março de 2021.
  32. ‘Zack Snyder’s Justice League’ Ranks Behind ‘Wonder Woman 1984’ In HBO Max Households. Deadline (23 de março de 2021). Página visitada em 24 de março de 2021.
  33. Snyder Cut - Filme quebra recorde de vendas no NOW; veja os números. Legado da DC (20 de março de 2021). Página visitada em 24 de março de 2021.
  34. Gabriel, João (22 de março de 2021). ZACK SNYDER’S JUSTICE LEAGUE SUPERA 100 MIL STREAMS NO BOOKMYSHOW, PLATAFORMA INDIANA. Multiverso Geek. Página visitada em 24 de março de 2021.
  35. Chris Agar. Justice League’s Snyder Cut Character Posters Use Theatrical Release Images (em Inglês). Screenrant.
  36. HBO Max (18 de junho de 2020). Zack Snyder’s Justice League - Sneak Peek - HBO Max (em Inglês). YouTube.
  37. HBO Max (26 de julho de 2020). BEST QUALITY - Black Suit Superman meets Alfred - Zack Snyder's Justice League (Sneak Peek) (em Inglês). YouTube.
  38. HBO Max (21 de agosto de 2020). Zack Snyder’s Justice League - Countdown Tease - HBO Max (em Inglês). YouTube.
  39. HBO Max (22 de agosto de 2020). Zack Snyder’s Justice League Official Teaser HBO Max (em Inglês). YouTube.
  40. McGloin, Matt (05/01/2021). Snyder Cut getting action figures. Cosmicbook. Página visitada em 14/02/2021.
  41. Justice League: The Shocking, Exhilarating, Heartbreaking True Story of #TheSnyderCut. Vanity Fair. Página visitada em 27/02/2021.


Filmes no Universo Estendido DC
Lançados Man of SteelBatman v Superman: Dawn of JusticeSuicide SquadWonder WomanJustice LeagueZack Snyder's Justice LeagueAquamanShazam!Harley Quinn: Birds of PreyWonder Woman 1984The Suicide Squad
Em produção Black AdamThe FlashSequência de AquamanShazam!: Fury of the Gods
Anunciados Blue BeetleSequência de Wonder Woman 1984 BatgirlBlack Canary Zatanna
Advertisement