FANDOM


Atlântida é um reino subaquático localizado nas profundezas da água em algum lugar do Oceano Atlântico. É o lar da cultura atlante antiga, isolada e altamente avançada. Originalmente parte de um império atlante maior, a atual Atlântida é agora um dos quatro reinos sobreviventes após o Afogamento de Atlântida.

Fortemente isolado da superfície, o único caminho para a Atlântida é um imenso e brilhante portão em frente a uma antiga ponte guardada por costumes e reforçada por um enorme conjunto de poderosos canhões hidráulicos.[1]

História

Invasão na Terra

"Deveríamos ter morrido. Mas formamos nossa própria Unidade: Amazonas, Atlantes, todas as tribos dos Homens lutando lado-a-lado. Guerreiros lendários, aliados de outros mundos, até os próprios deuses, agindo juntos, dando suas vidas para afastar o Lobo da Estepe daqui."
Mulher-Maravilha[fonte]

Durante a primeira invasão do Lobo da Estepe, os Atlantes se uniram as Amazonas, Homens, e outros aliados para impedir o plano dele. Eles lutaram e se sacrificaram, mas conseguiram expulsá-lo junto ao seu exército de Parademônios. Zeus foi capaz de separar as Caixas Maternas e deu uma para cada reino. Uma para os Atlantes, outra as Amazonas, e outra aos Homens, para que pudessem protegê-las.[2]

A queda de Atlântida

Pré-Atlântida

Atlântida antes da queda.

Fundado pelo rei Atlan, o império de Atlântida em seu auge era a nação mais poderosa e tecnologicamente avançada do planeta. Eventualmente, ela desenvolveu uma série de novas tecnologias centradas em sua maior conquista - a descoberta de uma fonte inesgotável de energia, permitindo a criação de grandes máquinas, aeronaves avançadas e o poderoso Tridente de Atlan. Durante um teste do Tridente, um enorme pulso de energia irradiou violentamente a cidade para fora e destruiu Atlântida, fazendo com que ela afundasse no mar com grande perda de vida. No entanto, isso também deu aos moradores que sobreviveram a habilidade de respirar e se comunicar embaixo d'água, dando-lhes outra chance de sobreviver.[1]

Como resultado do desastre, Atlântida e seu império se dividiram em sete reinos sucessores. A própria Atlântida formaria seu próprio reino, enquanto outros, como Xebel, o Reino dos Desertores, os Pescadores, as Trincheiras, as Salmouras e o Reino Desaparecido, eram formados por facções dissidentes. Com o passar dos tempos, os sete reinos acabariam sofrendo mudanças significativas, sobrevivendo, evoluindo para uma nova forma, entrando em colapso ou morrendo completamente: Atlântida e Xebel sobreviveriam até os dias atuais e manteriam as características originais dos antigos Atlantes. O Reino dos Pescadores evoluiu para se tornar semelhante a um peixe e é considerado adverso ao conflito. O Reino das Salmouras evoluiu para um povo caranguejo e brutal. O Reino das Trincheiras regrediu em criaturas selvagens incapazes de fala ou pensamento inteligente. O Reino dos Desertores morreu quando o Saara se tornou um deserto. O Reino Perdido foi relatado como desaparecido completamente, levando a ser chamado de "perdido".[1]

Como resultado da queda, o desanimado rei Atlan levou o Tridente e foi para o exílio, para nunca mais ser visto por ninguém. Suas últimas palavras foram copiadas para um dispositivo de gravação e deixaram pistas sobre seu paradeiro para as gerações futuras encontrarem.[1]

Ataque na Terra

Durante sua segunda invasão, o Lobo da Estepe voltou a ir atrás dos Atlantes. Mera e a Guarda-Real tentaram impedi-lo, e contaram com a ajuda inesperada de Arthur Curry, que lutou contra o Lobo apesar da derrota eventual. Lobo, Mera o ofereceu a armadura de sua mãe Atlanna para que ele pudesse ajudar a Liga da Justiça a parar o Lobo.[2]

Locais

Referências

  1. 1,0 1,1 1,2 1,3 Beall, Will, Wan, James, Johns, Geoff (escritores) & Wan, James (diretor) (21 de dezembro de 2018). Aquaman.
  2. 2,0 2,1 Terrio, Chris, Whedon, Joss (escritores) & Snyder, Zack (diretor) (17 de novembro de 2017). Justice League.
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.